GMT-Master II

O Oyster Perpetual GMT-Master II foi projetado para exibir simultaneamente a hora de dois fusos horários. Robusto e funcional, ele é o relógio ideal para aqueles que percorrem o mundo.

Tanto as funções do GMT-Master II como seu próprio nome remetem aos fusos horários e às viagens de longa distância. O Greenwich Mean Time (GMT), ou “Hora de Greenwich”, indica a hora solar média no Observatório Real de Greenwich, em Londres. É o meridiano utilizado como referência para o cálculo das longitudes e o traçado dos fusos horários em todo o mundo.

MUITO ALÉM DOS FUSOS HORÁRIOS

Lançado em 1955, o Oyster Perpetual GMT-Master foi testemunha privilegiada da expansão das viagens intercontinentais a partir da segunda metade do século XX. Ele se tornou o relógio oficial da Pan American World Airways, mais conhecida pelo nome de Pan Am, naquela época a principal e mais importante companhia de aviação intercontinental americana. Em 1959, um acontecimento essencial marca essa associação: um avião Jet Clipper da Pan Am conecta pela primeira vez Nova York a Moscou sem escala. O comandante do avião usava um GMT-Master, que ele utilizava durante todo o voo como instrumento de auxílio à navegação.

Verdadeiro relógio-ferramenta, o GMT-Master evoluiu constantemente para oferecer desempenhos técnicos cada vez mais avançados. Em 1982, a Rolex introduziu um novo calibre que permite regular o ponteiro das horas independentemente do dos minutos, bem como do ponteiro 24 horas. A fim de ressaltar esta evolução e evitar qualquer confusão com o GMT-Master, o modelo dotado deste mecanismo otimizado foi batizado como GMT-Master II. O GMT-Master II, que conquistou um público bem mais amplo, revelou ser o relógio ideal para aqueles que percorrem o mundo.

EXIBIÇÃO 24 HORAS E PONTEIRO DE HORAS INDEPENDENTE

Complementando os tradicionais ponteiros de horas, minutos e segundos, que exibem a hora local (aquela do lugar onde se encontra o usuário do relógio), o GMT-Master II ostenta um ponteiro suplementar, com ponta triangular, que faz a volta do mostrador em vinte e quatro horas, bem como uma luneta giratória bidirecional com disco Cerachrom monobloco graduado 24 horas bicolor em cerâmica. Esse ponteiro suplementar indica a hora de referência (a do lugar de residência, por exemplo) sobre a graduação da luneta quando ela está colocada em posição neutra, isto é, com o triângulo às 12 h.

Durante a viagem, a hora local pode ser facilmente ajustada por saltos de hora em hora graças a um mecanismo comandado pela coroa. A regulagem do ponteiro das horas se faz independentemente dos ponteiros dos minutos e dos segundos, e sem afetar o ponteiro 24 horas (exibição da hora de referência). Assim, a qualquer momento, o usuário do relógio dispõe simultaneamente da hora local e de uma hora de referência.

LUNETA GIRATÓRIA E FUSO HORÁRIO ADICIONAL

A luneta giratória permite igualmente exibir a hora de um fuso horário adicional: para isso, basta fazê-la girar. Nesse caso, a hora de referência não fica mais disponível, pois o ponteiro 24 horas passa a server para a leitura da hora desse novo fuso horário sobre a graduação da luneta.

Para que a luneta possa desempenhar sua função de maneira otimizada, a Rolex desenvolveu um sistema de rotação dotado de uma mola que permite passar livremente de uma a outra das 24 posições horárias, e nos dois sentidos. Graças a seu contorno canelado, que oferece excelente aderência, ela pode ser manipulada confortavelmente.

LUNETA COM DISCO CERACHROM

A luneta giratória bidirecional do GMT-Master II é munida de um disco Cerachrom monobloco graduado 24 horas bicolor. Patenteado pela Rolex, esse disco é fabricado com cerâmicas extremamente rígidas; ele é praticamente à prova de arranhões e suas cores não sofrem alterações quando expostas à radiação ultravioleta. As graduações e os algarismos, moldados em baixo-relevo, recebem uma camada de ouro ou platina por meio de uma técnica PVD (Physical Vapour Deposition, depósito físico em fase de vapor). Além de suas funcionalidades e qualidades técnicas, a luneta do GMT-Master II é parte integrante da forte personalidade deste relógio.

Em 2013, a Rolex foi pioneira: a marca apresentou seu primeiro disco de luneta bicolor monobloco de cerâmica — uma metade azul, a outra metade preta — numa modalidade em aço Oystersteel do GMT-Master II. Um ano mais tarde, ela revela o disco de luneta bicolor em cerâmica vermelha e azul, num GMT-Master II em ouro branco 18 quilates. A mais recente inovação, o disco de luneta bicolor em cerâmica marrom e preta, foi apresentado em 2018 em duas modalidades do GMT-Master II, uma em ouro Everose 18 quilates, outra em versão Rolesor Everose (combinação de aço Oystersteel e ouro Everose 18 quilates). Esses discos Cerachrom combinam os desempenhos excepcionais da cerâmica de alta tecnologia com a estética icônica do modelo GMT-Master original.

O GMT-MASTER II, CERTIFICADO COMO CRONÔMETRO SUPERLATIVO

Como todos os relógios Rolex, o GMT-Master II recebe a certificação Cronômetro Superlativo, redefinida pela Rolex em 2015. Este título exclusivo atesta que cada relógio que sai das oficinas da marca passou com sucesso por uma série de testes conduzidos pela Rolex em seus próprios laboratórios e Segundo seus próprios critérios. Estes testes de certificação são realizados no relógio completo, com o mecanismo já encaixado, para garantir um desempenho superlativo no pulso em matéria de precisão, impermeabilidade, corda automática e autonomia. O status de Cronômetro Superlativo é simbolizado pelo selo verde presente em cada relógio Rolex, e é acompanhado de uma garantia internacional de cinco anos.

A precisão de cada mecanismo — oficialmente certificado como Cronômetro pelo Contrôle officiel suisse des chronomètres (COSC) — é novamente testada pela Rolex após o encaixe para atender a critérios muito mais rigorosos do que aqueles da certificação oficial. A tolerância do andamento médio de um Cronômetro Superlativo Rolex é, assim, da ordem de −2/+2 segundos por dia. Além disso, essa precisão é testada pela Rolex conforme uma metodologia exclusiva que simula condições reais de uso, mais representativas da experiência cotidiana do cliente.

Realizada graças a um equipamento de alta tecnologia especialmente desenvolvido pela Rolex, a cadeia de testes de certificação Cronômetro Superlativo, inteiramente automatizada, permite controlar além disso a impermeabilidade, a corda automática e a reserva de andamento de 100% dos relógios Rolex. Esses controles após o encaixe vêm sistematicamente completar os testes de qualificação realizados por ocasião da concepção e da fabricação dos relógios para garantir sua confiabilidade, sua robustez e sua resistência aos campos magnéticos e aos choques.

CAIXA OYSTER, SÍMBOLO DE IMPERMEABILIDADE

A caixa Oyster do GMT-Master II, de impermeabilidade garantida até 100 metros de profundidade, é um exemplo de robustez e de confiabilidade. Sua carrura, com seu formato distinto, é trabalhada em um bloco maciço de aço Oystersteel, uma liga particularmente resistente à corrosão, ou de ouro 18 quilates. O fundo com caneluras finas é rosqueado hermeticamente, graças a uma ferramenta especial; dessa forma, apenas os relojoeiros habilitados pela Rolex podem ter acesso ao mecanismo. A coroa Triplock, equipada com um sistema de tripla impermeabilidade e munida de protetores forjados na carrura, é firmemente rosqueada à caixa. O vidro, ao qual se sobrepõe a lente de aumento Cyclops às 3 h para melhorar a leitura da data, é de safira praticamente à prova de arranhões. Totalmente impermeável, a caixa Oyster do GMT-Master II protege de maneira otimizada o mecanismo que ela abriga.

CALIBRE PERPETUAL 3285

O GMT-Master II é equipado com o calibre 3285, um mecanismo mecânico de corda automática inteiramente desenvolvido e manufaturado pela Rolex. Concentrado de tecnologia, esse mecanismo foi objeto de vários depósitos de patentes. Ele oferece vantagens fundamentais em matéria de precisão, autonomia, resistência a impactos e a campos magnéticos, confiabilidade e conforto durante o uso.

O oscilador do calibre 3285 é dotado de uma grande roda de balanço com momento de inércia variável, ajustada de maneira extremamente precisa por meio de parafusos Microstella de ouro. Ele é firmemente sustentado por uma ponte transversal de altura regulável, que permite um posicionamento muito estável, de maneira a aumentar a resistência aos choques. Além disso, o oscilador é montado sobre o sistema de absorção de choques Paraflex de alto desempenho, desenvolvido e patenteado pela Rolex.

O calibre 3285 contém uma versão otimizada da espiral Parachrom azul, fabricada pela Rolex em uma liga paramagnética exclusiva. Além de ser perfeitamente insensível aos campos magnéticos, essa espiral apresenta uma grande estabilidade diante das variações de temperatura e permanece até dez vezes mais precisa do que uma espiral tradicional em caso de choques. Ela é munida de uma curva terminal Rolex, que assegura a regularidade de funcionamento em todas as posições.

Esse mecanismo conta com o escape Chronergy, fabricado em níquel-fósforo e patenteado pela Rolex. Combinando um alto rendimento energético com uma grande segurança de funcionamento, este escape é, além disso, insensível aos campos magnéticos.

O calibre 3285 dispõe de um módulo de corda automática por rotor Perpetual, o que garante uma armação contínua da mola do tambor, fornecendo assim uma energia constante graças aos movimentos do pulso. Ele se beneficia de uma reserva de corda de cerca de 70 horas, graças à arquitetura de seu tambor e ao rendimento superior de seu escape.

Acessível unicamente para relojoeiros habilitados pela Rolex, o mecanismo do GMT-Master II tem acabamento apurado, refletindo as exigências extremamente rigorosas da marca em matéria de qualidade.

PULSEIRA E FECHO: SEGURANÇA E CONFORTO

O GMT-Master II é equipado com uma pulseira Oyster de três fileiras — modalidades em versão Rolesor Everose (combinação de aço Oystersteel e ouro Everose 18 quilates), em ouro branco 18 quilates ou em ouro Everose 18 quilates — ou com uma pulseira Jubilee de cinco fileiras — modalidades em aço Oystersteel.
Essas pulseiras são equipadas com um fecho de segurança Oysterlock, concebido e patenteado pela Rolex, que previne qualquer abertura involuntária. Além disso, elas dispõem do sistema de extensão rápida Easylink, desenvolvido pela marca, que permite ajustar facilmente seu comprimento em cerca de 5 mm, proporcionando maior conforto em quaisquer circunstâncias.

Além disso, um sistema de fixação invisível oferece uma perfeita continuidade visual entre a pulseira e a caixa. Ademais, nas modalidades em ouro 18 quilates do GMT-Master II, a pulseira Oyster contém, no interior de seus elos, inserções em cerâmica que aumentam sua fluidez durante o uso e sua longevidade.

Modelos

Modelos

Conteúdo relacionado